segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Alguns pontos sobre o jogo de ontem

- A "máquina" começa a aquecer. Lucho completamente integrado na equipa, a por a bola sempre simples e fácil para os colegas (ao contrário do Hulk, que teima em esperar sempre até ao último segundo para fazer o passe, e quase sempre fracos e pouco precisos);

- Janko a aparecer muitas vezes no sitio certo. E a equipa já percebeu isso e sabe como lhe meter a bola, só tem de afinar a pontaria;

Add caption

- Álvaro Pereira pareceu-me meio perdido na primeira parte, meio distante. Mas corrigiu com uma segunda parte de altíssimo nível. Danilo é titularíssimo e dá muita profundidade à ala direita do Porto e está constantemente à procura de espaços para ter a bola, gostei muito.

-Fernando é um muro. Um MURO.

Um muro que não tem dois tijolos nos pés, nem perto


- James abanou o estádio. A expulsão ajudou? Claro. Mas James trouxe ao jogo o que só se tinha visto a espaços até aí: velocidade e passes a rasgar. Não se entende como é que não é titular. Aliás não entendo como é que Varela é opção à frente de Cristian Rodriguez quanto mais à frente de James... Mas se Vitor Pereira falhou aí, acertou completamente ao fazer Moutinho subir no terreno para se por ao lado do Lucho atrás de Janko. O 1º golo surge dessa alteração e a subida de produção do meio campo do Porto subir vários furos com isso também.


- Manuel Cajuda deu show no banco. Para quem esteve na bancada atrás dele, não faltou motivos para sorrir com este senhor durante o jogo todo. Desde meter-se com a steward de serviço a vir abraçar um adepto à bancada, a meter na linha um director que insultou os adeptos durante o jogo ( e que aparentemente armou confusão no túnel depois), foi um exemplo de boa disposição.

E vai assim a vida no Dragão, no final de contas foi um bom jogo, um bom resultado, e a moral está outra vez a subir e quinta feira espero um Porto à altura do adversário que temos, e um Porto capaz de ganhar este desafio!

Sem comentários:

Publicar um comentário